28 setembro 2016

Autora Ana Cristina Melo


Conheci a Ana este ano, mas já sou apaixonada pelos livros dela e pelo seu grande talento. São 13 livros que ela já publicou. Eu li 3 deles e posso dizer que ela tem uma escrita muito leve e ótima. Já fiz resenha aqui no blog do Delta - Um comando para o tempo, Sete cartas de outro planeta e Caixa de desejos. Vem conhecer um pouco mais do trabalho dela:

Biografia: Ana Cristina Melo é escritora, com 13 livros infantis e juvenis publicados, por várias editoras, além de participação em algumas antologias. Carioca, analista de sistemas por formação, desde menina apaixonada pelos livros, escreve querendo dividir o encantamento que sente quando tem um livro nas mãos. Participou de mesas de bate-papo em algumas feiras literárias e já foi premiada em dezenas de concursos literários, nos gêneros conto adulto, romance e conto infantil. Atualmente, exerce a função de Coordenadora Editorial da Editora Bambolê. Seu livro “Caixa de Desejos” foi selecionado para o Projeto Livros na Sala de Aula, da Secretaria de Educação do Estado de SP. Seu livro “O menino, o bilhete e o vento” foi selecionado para o Catálogo Literário Autorias da Diversidade, da Secretaria de Educação do Estado de MG. Mais sobre a autora em seu site: www.anacristinamelo.com.br
Além daqueles 3 ali de cima que já fiz resenha e você pode conferir as sinopses lá nos links, vem conhecer a sinopse dos outros livros dela:

O MENINO O BILHETE E O VENTO
Sinopse: Um menino recebe da avó uma grande missão: achar Seu Olavo e lhe entregar um bilhete. Mas como iria cumprir essa tarefa, se ele sequer sabia onde esse homem morava? No caminho até a cidade, além das descobertas que faz, ele se vê em apuros, quando o bilhete se solta de sua mão curiosa e foge dançando pelo ar. Numa disputa com o vento, que também se torna personagem dessa aventura, o menino pode descobrir que a solução de um problema, às vezes, pode vir do que parecia ser um contratempo.

EM SUAS MARCAS
Sinopse: Pedro, morador da Penha, Zona Norte do Rio, é um adolescente como outro qualquer. Enquanto estuda e tenta encontrar seu lugar no mundo, espera que Rebeca, a garota por quem é apaixonado, deixe de ignorá-lo. Nesse dia a dia, ainda arranja tempo para treinar para o torneio de natação, ajudar o pai em sua ofi cina mecânica e executar tarefas em casa, poupando a mãe, há anos acamada, em virtude de uma doença no coração. Entretanto, sua rotina vira do avesso quando Marcelo, um cliente da ofi cina, lhe oferece não só a chance de se tornar triatleta do Lagoa Esporte Clube, como conquistar o dinheiro necessário para a operação de sua mãe. Pedro embarca nessa aventura sem imaginar que, diante de uma realidade bem diferente da sua, irá descobrir seu primeiro amor e o valor de uma amizade verdadeira, além de se ver diante de um grande dilema ético.

A BOTA DO GUTO
Sinopse: Guto é um gato de casa. Nino é um cão da rua. Mas eles adoram brincar juntos. Numa dessas brincadeiras, descobrem que a diversão pode estar nos lugares mais inusitados. Com predomínio de frases curtas e sílabas simples, "A bota do Guto" é parte da "Coleção Primeiro Giro", direcionada às crianças que estão iniciando seu caminho na leitura, permitindo que tenham o prazer de explorar sozinhas seu primeiro livro.

DANDI E A ÁRVORE PALAVREIRA
Sinopse: Dandi só conhecia um tipo de casa, a casa do sítio, onde moravam os pais, os cinco irmãos, tia Tonha e vô Chico - o vô das histórias, o vô que lhe ensinou o que fazer com as palavras: o vô que lhe revelou uma lenda antiga, sobre uma árvore com frutos muito diferentes e um segredo que iria acompanhã-lo por toda a vida.

A TURMA DO CP-500: O MISTERIO DA CASA DE PEDRAS
Sinopse: Fred, Lena, Gui, Cadu e Carol são amigos, moram num condomínio em Jacarepaguá e estudam no Colégio Ilíada, que está às vésperas de uma Olimpíada Estudantil, incentivada pelo Governo, com foco nas Olimpíadas que serão realizadas no Brasil. Além de amigos, eles também são companheiros dos times masculinos e femininos de vôlei. Durante um treino realizado numa quadra do condomínio, a bola cai numa casa que está abandonada há algum tempo. Gui decide pular o muro para buscá-la, mas demora a voltar. Os amigos resolvem, então, fazer o mesmo caminho, e acabam descobrindo algo fantástico: uma voz metálica vindo do meio da sala vazia. A voz é de Billy, um computador CP-500, modelo da década de 80. Billy foi todo modernizado por William, que lhe implantou um complexo sistema de inteligência artificial. Sensibilizados com o sumiço de William e o abandono de Billy, os cinco amigos criam a Turma do CP-500, que terá como primeira missão encontrar Mack, antigo sócio de William e provável hacker que invadiu os computadores do Colégio Ilíada. Entre cartões perfurados, campeonatos e muitos suspeitos, eles precisam correr contra o tempo para descobrir qual é a verdadeira identidade desse cibervilão.

Esses são só alguns títulos que a Ana publicou. Conheça mais do trabalho dela nas redes sociais:
26 setembro 2016

Leitura: Caixa de desejos


Uma história juvenil onde a gente vive o dia-a-dia de uma menina aparentemente igual como todas as outras. Ela só tem uma coisa diferente: uma caixa que ganhou de sua vó antes de morrer, e que reserva muito mistério e uma grande surpresa para ela. Aí começa mais uma aventura escrita pela Ana Cristina Melo.

Sinopse: Marília tem onze anos, é muito introvertida e não tem amigos. Ela mora com os pais, os avós maternos e um tio, mas tem uma ligação muito forte com a avó paterna, a vó Laurinda, que vive em outra cidade. Quando vó Laurinda morre, deixa para Marília uma caixa “mágica” onde ela deve guardar seus desejos para nunca se esquecer deles. Com esse recurso Marília aprende a lidar com os conflitos de forma positiva, superando os problemas de relacionamento na escola e até conquistando o primeiro amor. Com uma prosa saborosa e cheia de vida, 'Caixa de desejos' aborda com muita sensibilidade a tumultuada entrada na adolescência, mesclando as dores e as dúvidas do crescimento com a alegria de descobrir o amor e uma vocação.

Sempre quando leio histórias juvenis, eu me identifico bastante com os personagens, e com Marília não foi diferente. Ela é uma menina quieta, com poucos amigos e que tem dificuldades para socializar (ter amigos), por causa de sua timidez. Eu também era assim quando estava na escola, então consegui reviver e lembrar um pouquinho da minha "vida escolar" nem sempre tão fácil, lendo esse livro.

"...nunca deixe de ter sonhos. Às vezes, minha filha, eles demoram pra acontecer. Mas nunca desista deles. E de tudo que for te fazendo feliz na vida, guarde uma lembrança. Se ela for pequena, coloque nessa caixa. Se for grande, coloque no coração."
Uma coisa que senti falta na história foi da caixa de desejos, que era para ser protagonista mas não teve tanta atenção e desenrolar na história (torcendo para saber mais dela no segundo livro). Uma coisa que senti que se destacou muito na história foi a situação da família e o que ela pode mudar em nossa forma de ser e pensar (Marília mora em uma casa com o pai e a mãe, avós, tios, uma casa lotada e isso impacta na vida direta ou indiretamente). Também vemos muito da amizade e companheirismo entre as irmãs que antes eram desconhecidas uma para a outra (são filhas de mãe diferente). Onde a história apontava tudo para termos duas "rivais", descobrimos uma grande amizade.

Também conseguimos ver no livro o impacto dos pais ausentes para os filhos, como a mãe de Francine que é tão vaidosa que não dá tanta atenção para a filha. E é claro que a história não poderia deixar de mostrar também aquele nosso primeiro amor, aquela paixãozinha de escola e como é divertido lembrar sobre isso.

"Descobri que viver é muito bom e esperar pelos sonhos, melhor ainda."
Claro que o grande segredo que a caixa deixa na história não é 100% solucionado/revelado. Ainda fica uma pontinha de dúvida, que só faz ter mais curiosidade de ler o segundo livro. A diagramação é simples e bonita, o livro é curtinho com uma leitura super rápida e gostosa. Com certeza recomendo para todos, principalmente para as pequenas, ai pelos seus 11 até 13 anos, que é mais ou menos a idade que se passa a história.

................................................................
Editora: Tordesilhas
Autor: Ana Cristina Melo
Páginas: 96
Assunto: Infantojuvenil
Para comprar: clique aqui


Avaliação da Leitura:  
................................................................ 
23 setembro 2016

Leitura: Mangá 1 - Alice no País das Maravilhas


Não tem como não gostar de uma versão de Alice no País das Maravilhas, vocês não acham? E se for mangá então, no mínimo a história será bem empolgante e divertida. Esse é o segundo mangá que leio (e confesso que foi uma leitura bem mais agradável, porque o primeiro foi uma confusão kkkk), e por coincidência os dois são da Alice (clique aqui para conhecer o outro que li).

Sinopse: A história clássica nos apresenta a jovem Alice, que vive infeliz em meio a festas adultas da nobreza de Londres. Quando um senhor lhe propõe casamento, ela foge e cai em um mundo de criaturas bizarras, onde deve derrotar a Rainha Vermelha e o monstruoso Jaguadarte e provar que é a “Alice certa”.

Se o primeiro mangá que li (e que coloquei o link ali em cima) era colorido e tinha até capa dura, mais parecia um gibi, esse é um legítimo mangá com todo conteúdo branco e preto como são. Os desenhos e a história são baseados no filme do Tim Burton, e ilustrados pela Jun Abe. Os personagens são muito parecidos e o desenrolar da história segue fiel ao roteiro do filme.


Essa coleção/história de mangás, é dividida em 2 partes (2 mangás). Esse é o primeiro, e por isso mesmo a história não acaba aqui. Em breve lerei a continuação e venho aqui no blog falar para vocês como termina essa aventura.


................................................................
Editora: Abril
Autor: Jun Abe
Assunto: Mangá
Para comprar: clique aqui


Avaliação da Leitura:  

................................................................ 
21 setembro 2016

Nova Parceria: Autora Ana Carolina Dias


Olá queridos leitores, hoje venho apresentar a nova autora parceira do blog: Ana Carolina Dias. Que lançou recentemente seu primeiro livro. Vem conhecer um pouquinho mais dela :)

ANA CAROLINA GONÇALVES DIAS vive na pequena cidade de Paracambi (Rio de Janeiro) e nasceu no dia 05 de maio de 1997. Absolutamente perfeccionista, taurina e romântica assumida, é apaixonada por livros, música e bebidas geladas. Ama detalhes, clichês e, mais ainda, criar histórias com finais felizes e imprevisíveis. Ana, como prefere ser chamada, escreve desde os 12 anos de idade, começando pelas fanfics postadas em plataformas online. Os Dez Amores de Cece é seu romance de estreia, além de ser o primeiro finalizado.

Quando a Ana entrou em contato comigo, para ser parceira do blog, fui conhecer o livro dela (que até então nunca tinha visto). Confesso que foi amor a 1ª vista logo de cara com essa capa linda. Vocês não acham? E lendo a sinopse só me deixou mais curiosa para ler essa história. Vem conhecer Os dez amores de Cece:

Sinopse: Dez nunca foi um bom número, pelo menos não para Cecelia, contudo, ela não esperava que ele coubesse tão bem em sua história. Dez foram os amores de sua vida, ou como Cece os apelidou, os desamores de sua vida. Ela se permitiu viver cada um dos sentimentos que estes lhe despertaram, explorando-os tanto quanto pôde. Se deu chances e agarrou a esperança de que, um dia, encontraria seu número certo. Cece se permitiu amar de muitas formas diferentes, algumas boas, outras nem tanto. Crescendo e amadurecendo pouco a pouco, ela vai descobrir que, melhor do que sentir o amor, é conhecê-lo nos seus mínimos detalhes. Quantas vezes se pode ter o coração partido e, ainda assim, não perder a fé no amor?
Ficaram curiosos? Em breve venho trazer a resenha do livro aqui no blog. Enquanto isso, você pode conhecer melhor a Ana pelo instagram, e também pela página do facebook dela. Não esqueçam de curtir e seguir ela por lá.

Para comprar o livro basta entrar em contato com a autora direto na página do facebook (aqui) | Ou pelo site da editora (aqui).