Dona Antônia e gata Chica em Cadê o toucinho que estava aqui?

03 abril 2024


Na contramão de um mundo cercado por telas e veloz, que glorifica as inovações em detrimento do passado, a premiada escritora infantil Cléo Busatto revisita uma parlenda famosa das antigas gerações para promover o contato de crianças com a sabedoria popular. 

Na releitura de Dona Antônia e gata Chica em Cadê o toucinho que estava aqui?, as protagonistas são Dona Antônia, uma idosa simpática e amante dos animais, e Chica, uma gata gulosa que sempre devora a comida deixada na mesa.

Acompanhados pelas ilustrações de Fereshteh Najafi, feitas em acrílico, com aquarela e lápis de cor, os pequenos leitores passeiam por todos os cômodos da casa das personagens depois que a gatinha pega o pedaço de toucinho da tutora. 

Por causa disso, Dona Antônia corre atrás de Chica, enquanto ambas entoam os versos conhecidos por muitos brasileiros.

Para aprofundar a rima, a autora apresenta um desfecho diferente, introduz a figura da idosa e foca nos sentimentos que envolvem a breve perseguição. Nesta corrida para salvar a fatia de carne, a mulher decide olhar embaixo da cama, porém fica presa ali. 

Com medo e sem saber como reagir, o bicho de estimação vai encontrar uma forma de salvá-la daquela situação e fazer as pazes com ela após ter pegado o precioso alimento.

Dona Antônia abaixou-se e olhou embaixo da cama. Lá estava a danada!
– É agora que nós vamos conversar, sua gata gulosa, gata comedora de toucinho, gata comedora de bolinho!
– Pelo amor que você tem aos bichinhos, Dona Antônia! Você não pode me querer mal por causa de um pedacinho de toucinho sem graça, sem gosto.
(Dona Antônia e Gata Chica em Cadê o toucinho que estava aqui?, pg. 26)

A partir desta proposta, Cléo Busatto mostra os impactos de diversos tipos de emoções no cotidiano, como irritação, medo, compaixão, alegria e diversão, ao passo que defende a relação de companheirismo existente entre seres humanos e animais. 

Além de ser uma forma de se reconectar com o conhecimento popular, Dona Antônia e Gata Chica em Cadê o toucinho que estava aqui? amplia o vocabulário emocional, proporciona compreensão de mundo e remete às brincadeiras do passado que desenvolvem as potencialidades criativas do público infantil.

O novo livro da escritora finalista do Prêmio Jabuti em 2023 faz parte da quarta edição da intervenção artística-literária “Histórias da Cléo PR3”, que doará um exemplar para todas as 450 bibliotecas públicas do Paraná e percorrerá municípios com menos de 20 mil habitantes do estado para incentivar o contato das crianças com a leitura. 

Projeto foi aprovado pela Lei Rouanet e tem apoio da Secretaria de Cultura do Paraná, com patrocínio do Banco Regional do Extremo Sul (BRDE) e da Companhia Paranaense de Energia (Copel).

Ao adquirir os livros na Amazon por meio dos links disponibilizados aqui no blog, você não terá custos adicionais e, ao mesmo tempo, estará contribuindo para o conteúdo do blog por meio de uma pequena comissão. Compre o livro clicando aqui. Obrigado!

5 comentários

  1. Parece un libro muy dulce. Gracias por la reseña. Te mando un beso.

    ResponderExcluir
  2. Parece ser uma graça esse livro, adorei ♥

    https://www.heyimwiththeband.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi! Esse livro parece ser uma gracinha e resgata algo de nossa cultura que não sei se a nova geração conhece. Adoraria conferir. Bjos!!
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  4. Seu artigo foi excelente! Aprendi muito com ele. Vou mantê-lo em meus favoritos para consultar sempre que precisar.

    como assistir novelas em 4k

    ResponderExcluir
  5. Parece ser uma aventura e tanto. Quero acompanhar.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA está no ar cheio de posts novos e novidades! Não deixe de conferir!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir

Espero que tenha gostado da postagem. Também vou adorar ler sua opinião.
Não deixe de seguir o blog nas outras redes: Instagram | Youtube | Facebook | Twitter