Filmes

Filme: Onde Está Segunda?

segunda-feira, junho 04, 2018


A população anda crescendo sem limites, e a única forma de fazer com que as pessoas não morra de fome, entre outras coisas, é travar o crescimento da população. Para isso, foi implementado uma lei que, cada casal só poderia ter um filho único. Nada de mais crianças, assim, em pouco tempo salvariam a humanidade. Todas as famílias que tivessem mais de um filho, esse seria capturado e levado para um centro de irmãos, onde o governo congela as crianças para supostamente serem acordadas daqui a muitos anos quando a terra estaria "curada".

É neste contexto que conhecemos Terrence Settman. Quando sua filha dá a luz e morre, ele fica responsável pelas crianças. Sim, ela acaba tendo mais de um filho. Ela ganha sete meninas (um pouco mais do que o permitido não? kkkk). O avô dá o nome das meninas pelos dias da semana: Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado e Domingo. Para conseguir salvar as meninas ele inventa um mecanismo muito inteligente, onde todas vão se passar pela mesma pessoa, como se todas fossem só uma filha única. E cada uma poderia sair de casa no dia da semana de seu nome, nos outros dias, elas não existiriam.

Elas conseguem crescer por 30 anos, até que um belo dia a Segunda não volta para casa após ir para o trabalho. Aí começa uma investigação e uma preocupação para ver se as outras irão sair de casa ou não, afinal, as meninas não podem, mais de uma estar lá fora juntas. A medida que vai se desenrolando a história, vamos percebendo que nada é o que parece, e que os vilões podem ser pessoas que você nem imagina.

Apesar da história ter um potencial para bem mais, e em algumas partes se passa bem rápido, eu gostei bastante da ideia e do final. Me surpreendeu o desenrolar e a atriz foi muito boa em alguns papéis. Mais um filme da Netflix que super indico. Não dava nada e nem sabia muito bem o que esperar, mas adorei assistir.

Sinopse do Filme:

2073. O aumento crescente da população faz com que os recursos naturais da Terra se tornem cada vez mais escassos, especialmente após a América do Sul tornar-se um imenso deserto. A saída é investir em alimentos geneticamente modificados, de forma a ampliar a produção em um espaço físico cada vez mais limitado. Entretanto, tal iniciativa gera como efeito colateral o nascimento cada vez maior de gêmeos, o que aumenta ainda mais o problema da superpopulação. Neste contexto, Nicolette Cayman (Glenn Close) surge com uma proposta drástica: cada casal pode ter apenas um filho, e os irmãos são confinados em ambiente criogênico para serem despertados quando a situação do planeta estiver sob controle. Todos os países adotam esta proposta, com a criação de uma agência implacável que fiscaliza os cidadãos através de pulseiras eletrônicas. Apesar de tamanha vigilância, Terrence Settman (Willem Dafoe) consegue salvar a vida de suas sete netas fazendo com que elas se revezem nos dias da semana, de forma que todas assumam o codinome Karen Settman - o mesmo nome de sua mãe, que faleceu no parto. Trinta anos depois, as sete irmãs seguem esta rígida rotina até que uma delas, Segunda (Noomi Rapace), misteriosamente não retorna para casa.


LEIA TAMBÉM

17 comentários

  1. Já vi várias pessoas falando bem desse filme.
    Da primeira vez que li a sinopse achei que seria meio nada a ver haha, mas como só vi pessoas falando bem inclusive você neste post já estou vontade de ver! :)

    https://heyimwiththeband.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi
    Sorry eu nem assisto tv nem filmes cansei agora é só internet😁😁😉
    Xoxo

    marisasclosetblog.com

    ResponderExcluir
  3. mt boa indicação! vi esse filme ha um tempinho atras e como adoro distopias achei esse super bacana!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  4. Oi Monique, td bem?
    Quando vi esse filme tb gostei muito, principalmente da atriz que mandou mt bem em papéis super diferentes!
    Adorei a resenha!
    Beijos
    www.somosvisiveiseinfinitos.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Monique, eu adorei esse filme, essa atriz está sensacional no papel das setes gêmeas e confesso que me empolguei bastante durante o filme rsrsrs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Eita, Monique, que esse filme está pegando poeira na lista da Netflix hahahah
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  7. Quero muito ver, está na minha lista, espero gosta também =D
    Beijão

    ResponderExcluir
  8. Primeira vez que ouço falar, mas não me identifiquei..

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  9. Um amigo me indicou esse filme e umas nuitas outras disseram que é bem ruim, vou assistir e tirar minhas proprias conclusões, melhor, né?!

    clebereldridge.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia, mas vou tomar nota!

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderExcluir
  11. Já li muita crítica positiva sobre esse filme, mas ainda não consegui assistir!
    Ah, respondendo ao seu comentário, o esmalte é amarelo (como informei no post), e não verde! ^^

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  12. Oi Monique, tudo bem??
    Ainda não conhecia esse, vou procurar saber mais!! Adorei sua resenha!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  13. Oi Monique!
    Eita que filem diferente. Fiquei curioso KKK. Nome das personagens são dias da semana D: JESUS AMADO KKKKKKKK.
    Eu achei a premissa meio distopica muito boa, embora o lance de ter sete filhos de uma vez seja algo bem OOOOW! Mas vou pesquisar mais. Imaginando o trabalho que deve ter dado pra essa atriz fazendo tantos papeis.

    Abraços
    David
    https://territoriogeeknerd.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Valeu pela dica. Verei algum dia.
    Boa semana!

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  15. Esse filme já está na minha lista. Tenho que assistir.
    Bjs
    https://eternamente-princesa.blogspot.com

    ResponderExcluir

Espero que tenha gostado da postagem. Também vou adorar ler sua opinião.
Não deixe de seguir o blog nas outras redes: Instagram | Youtube | Facebook | Twitter