17 outubro 2011

O fabuloso destino de amelie poulain

     Sabe aquele filme que você não da nada por ele, acha naquelas promoções de 12,99. Mas quando começa a assistir, se surpreende e não consegue mais parar. Esse é um filme assim. Um jeitinho de clássico que lhe envolve do começo ao fim.
     A história de Amelie é dramática desde a sua infância. Viveu isolada de tudo e de todos; até de seus pais. Seu pai (médico) só a tocava quando tinha que realizar exames e sua mãe morreu muito estranhamente. Ainda jovem e já morando sozinha, encontra por acaso (ou destino) no banheiro de seu apartamento, uma caixa de lembrancinhas daquelas que guardamos desde a infância. Sabendo que a caixa pertence a algum antigo morador, Amelie sai em busca desta pessoa e promete para si mesma que se essa pessoa gostar da surpresa, ela continuará ajudando as pessoas com esse pequenos atos que transformam. 
     E esse é o seu fabuloso destino.

     Após deixar a vida de subúrbio que levava com a família, a inocente Amélie (Audrey Tautou) muda-se para o bairro parisiense de Montmartre, onde começa a trabalhar como garçonete. Certo dia encontra uma caixa escondida no banheiro de sua casa e, pensando que pertencesse ao antigo morador, decide procurá-lo ­ e é assim que encontra Dominique (Maurice Bénichou). Ao ver que ele chora de alegria ao reaver o seu objeto, a moça fica impressionada e adquire uma nova visão do mundo. Então, a partir de pequenos gestos, ela passa a ajudar as pessoas que a rodeiam, vendo nisto um novo sentido para sua existência. Contudo, ainda sente falta de um grande amor.

3 comentários:

amo este filme, tão doce, quero achar numa promoção tbm! hehe bjoks
Amélie é um amor, awn, o filme é doce.
Amelie Poulain é pura inspiração *.*

AMO AMO AMO <3

Beijos :*

Postar um comentário

Espero que tenha gostado da postagem. Também vou adorar ler sua opinião.
Não deixe de seguir o blog nas outras redes: Instagram | Youtube | Facebook | Twitter